Sábado, 18 de Novembro de 2017
 
    
   
Suinicultura :: Suinicultores escrevem carta aberta ao Ministro Capoulas Santos
Notícias » FPAS
Suinicultores escrevem carta aberta ao Ministro Capoulas Santos
2016-03-11

Suinicultores portugueses não querem morrer

Portugal passou de uma taxa de autosuficiência na carne de porco de 100% em 1986, para 65% em 2015 e se nada for feito para atenuar a crise que o sector atravessa, dentro de um ano estaremos praticamente dependentes do estrangeiro.

Orgulhamo-nos de produzir uma das melhores carnes da Europa e do mundo, pois respeitamos rigorosamente os mais elevados padrões sanitários e de bem-estar animal. Assim, afirmamos perentoriamente, a Carne de Porco Portuguesa é a melhor da Europa.

Neste momento os prejuízos diários dos suinicultores são insuportáveis, pelo que a não serem tomadas quaisquer medidas, o desaparecimento do sector é uma realidade, pondo em causa milhares de postos de trabalho e o fim da Carne de Porco Portuguesa.

O governo não nos ajuda. O Ministro não recebe a nossa organização de cúpula, a FPAS, e não responde ao caderno reenvidicativo apresentado, vai mandando “recados” de que está muito preocupado, mas, em três meses de governo, nem uma acção tomou em defesa da suinicultura.

São falinhas mansas que já não convencem o sector. É preciso coragem e tomar medidas, se não Sr. Ministro, o Sr. arrisca a ficar na história como o coveiro da suinicultura nacional.

Recentemente, Bruxelas atribuiu uma ajuda de 500 milhões de euros para o sector do leite e da suinicultura. A este montante, cada país podia adicionar igual valor. A Portugal couberam 4,3 milhões de euros e a suinicultura recebeu ZERO. Os nossos colegas europeus receberam dezenas de milhões de euros. Como podemos competir com eles?

Enquanto tiverem alento, os suinicultores nacionais vão reagir e se não existirem respostas rápidas do Ministro, vão em breve fazer nova acção pública de protesto.

Os suinicultores até aqui têm realizado acções de protesto dentro da ordem e sem reagir a provocações e algumas agressões de agentes da autoridade. Nunca entrámos pelo caminho agressivo e violento, como os nossos colegas franceses e não o vamos fazer, mas não podemos morrer calados.

Agradecíamos por isso a boa compreensão da população e agradecemos desde já a vossa preferência pela CARNE DE PORCO PORTUGUESA, A MELHOR DA EUROPA.

 Os Suinicultores portugueses










Subscreva a nossa newsletter

 


FPAS - Federação Portuguesa de Associações de Suinicultores © Copyright 2014 - Todos os Direitos Reservados